CODE:FREE#1

Hoje, descobri uma bela surpresa, fui publicada no planet do Inkscape, chama-se CODE:FREE é uma art magazine em pdf, ou seja, uma revista com vários desenhos ( obras de arte ) criados por vários artistas e tudo foi feito em software livres, essencialmente Inkscape e Gimp.

Nesta 1ª edição existem muito bom desenhos, mas minha opinião quem se destaca é o russo Konstantin R., não é que os outros estejam maus, mas eu adora este tipo de obras, feitas completamente por vectores, onde existem muito poucos degradée, onde se nota os limites da cores. Eu não conhecia este designer mas fiz uma pequena pesquisa e encontrei a sua página na Deviantart, ele tanto faz desenhos no Inkscape como no Gimp, mas eu destaco a sua galeria de Arte Digital Vectorial.

Eu sou um fã deste tipo de arte, às uns anos atrás eu fiz alguns trabalhos, mas claro mais simples que este do Konstantin R., mas é algo que eu gosto de fazer, mas este revista fez reaparecer a minha inspiração, vamos ver se eu faço algo no próximos dias.

Eléctrico de Lisboa

About Screen

Foi anunciado o vendedor para o About Screen da Inkscape, um software opensource. Em relação versões anteriores, acho este um pouco mais fraco, a vector que vencei não era o meu preferido mas estava em segundo lugar.

Na minha opinião este era o melhor desenho, com um excelente design com muito simplicidade, algo que eu gosto de ver nos trabalhos.

No About Screen do Inkscape o melhor é sempre desenho mais elaborados, que mostrem a “potência” do programa, por isso acho que o vencedor foi bem escolhido.

Para aquela que gostam de ver umas boas obras vectorais, até aqui lista completa dos candidatos, algumas das propostas são mesmo idiotas, não ocorre outro termo para o descrever.
Já que falei da potência, este novo Inkscape 0.46 é brutal ( eu já tenho instalado no linux), a versão anterior eu já a considerava o melhor software de desenho vectorial do mercado. Nos próximos dias vou voltar certamente a falar deste software.

Síndrome de pequenez

Este vídeo, muito bem feito e totalmente realista, apesar da Microsoft ser uma das maiores empresa do mundo, em termos estéticos comporta-se como uma pequena empresa. No meu mundo profissional, isto caracteriza-se como Síndrome de pequenez, ou seja, a maior parte das pequenas empresas tem a mania de colocar tudo e mais coisa nos seu produtos publicitários, ficando cheio e cheio de palavreado, com tanto palavreado que ninguém se dá ao trabalho de ler. Não nada melhor que colocar apenas o logotipo da empresa em grande formato e com uma pequena frase e um contacto, ficando muito mais simples e elegante.

Festival Músicas do Mundo


Convite FMM
Upload feito originalmente por rei-artur

O FMM é talvez o maior acontecimento em Sines, pelo mesmo com mais divulgação nacional. Sines praticamente só aparece nos mídias, sempre pelo lado negativo, a poluição, os desastres e outros acontecimentos negativos.

Este FMM é bofetada de ar fresco na imagem de Sines a nível nacional e eu para manter esta imagem positiva vou deixar para mais tarde, a porta do castelo. este assusto vai merecer mais que um post, mas fica para depois.

Mas não queria deixar esta oportunidade para dar os parabéns ao gabinete de Design da Câmara Municipal de Sines, em especial para o Caetano, um trabalhador incansável, passei dias e noites a brincar e a vê-lo a trabalhar o esferovite. Foi uma das maiores influências pelo meu gosto pelo design.

Eu adorei o design deste ano do FMM, com cores bastantes vivas e apelativas, apesar que de ter gostado muito mais do desenho base do ano passado, mas a escolha da cor de fundo foi má. Mas se fosse feita a fusão entre o desenho base do ano passado com as cores alaranjadas deste anos ficava uma campanha brilhante.

Fica aqui o link para o fotoblog do FMM.